Quem sou eu

Meu nome é Suzete Maria da Silva, sou uma pessoa que escolheu a renda de bilro como profissão e como maneira de expressar meus sentimentos. Sinto-me motivada com a infinidade de peças que é possível criar e produzir através dos trançados da renda de bilro.
Lembro-me de quando criança ouvir os bilros que minha avó e minha mãe utilizavam para tecer a renda baterem um no outro e me intrigava com aquilo, queria entender como aqueles dois pares de palitinhos faziam um "batuque" tão gostoso de se ouvir.
De tanto incomodar minha avó e minha mãe Maria Cecília elas resolveram me ensinar a tramar e tecer a renda de bilro. 
Aos 6 anos eu fiz a minha primeira tirinha de renda com pontos de perna cheia e trançado, a partir daí eu quis e consegui aprender todos os pontos da renda de bilro, e hoje digo que sou uma rendeira de profissão e tenho o compromisso de preservar, promover e valorizar esta arte através de um trabalho de atualização e envolvimento da arte da renda de bilro com nossa atualidade.